terça-feira, 2 de março de 2010

Desistir

1. Não insistir.
2. Não querer continuar.
3. Abster-se.
(
Dicionário Priberam)

É isso!

5 comentários:

  1. Essa palavra já passou umas quantas vezes pelo meu pensamento nos últimos dias, com incidência nas últimas horas. Deve ser da chuva, do cinzento dos dias que turva as ideias, do vento que nos obriga a fechar os olhos não enxergando a porta que nos separa dum amanhã por inventar, por conquistar. Melhor? Pior? Que seja diferente e não me apanhe desprevenido. Um abraço e um sorriso para iluminar um pouco que seja a tristeza do dia e a escuridão da alma.

    ResponderEliminar
  2. Não conhecia o poema. Triste mas muito bonito. Obrigado, amiga.

    ResponderEliminar
  3. acho que desistir é facil. ficar no limbo entre o desistir e o continuar é que custa pa caraças. é como um estado de coma em que a pessoa se quer mexer mas n consegue. enfim. whatever to the world =P

    ResponderEliminar
  4. Eu por mim, confesso, que desistir deve ser das últimas palavras do dicionário que eu utilizo e coloco em prática no meu dia-a-dia. Não sou em momento algum uma desistente da vida, ainda que até, por vezes, todos tenhamos momentos em que nos passa pela cabeça desistir..., mas desistir do quê!? De algo!? De nós!? Valerá a pena desistir!? Será essa a atitude a tomar!? Pois..., pode depender da circunstância, mas eu fico na minha, não desisto enquanto acreditar e, acreditar sempre é palavra de ordem!

    Bjo de Luz

    ResponderEliminar